Pin It
0
gestão de emoções

Técnicas que te vão ajudar a fazer uma gestão de emoções

2 Agosto, 2020

Maior parte das vezes, quando procuras melhorar algo em ti, é porque não estás a conseguir fazer uma boa gestão de emoções. 

Por norma, quem controla bem as emoções, considera o stress e a mudança como naturais. Ou seja, essas pessoas acabam por ficar mais preparadas para se adaptarem às circunstâncias, mesmo que sejam favoráveis ou não no momento exato.

Uma das desculpas que eu mais ouço frequentemente é “eu não controlo as minhas emoções” ou “eu não controlo os meus sentimentos“. Isto é uma das maiores desculpas dadas pela sociedade para fazer e sentir o que quiser sem qualquer tipo de remorsos.

Tu tens a possibilidade de controlar sim as tuas emoções se conseguires entender o processo e as técnicas corretas. O processo consiste em entender que existem 3 fatores diretamente relacionados que precisam de ser identificados.

Gestão de emoções

Processo de gestão de emoções:

PENSAMENTOS geram SENTIMENTOS/EMOÇÕES que por sua vez geram COMPORTAMENTOS.

Consequentemente, os teus comportamentos levam-te aos teus hábitos que definem o teu estilo de vida. Com isto, facilmente compreendes que para mudares o teu estilo de vida ou os teus hábitos, existem vários factores para trás que precisas de alterar também.

Fazer de forma eficaz uma gestão de emoções não é de todo uma tarefa fácil. Por essa mesma razão é que eu hoje te trouxe 8 técnicas que te vão certamente ajudar nisso. Tudo se inicia nos pensamentos. Por essa razão, nunca te esqueças que é por aí mesmo que tens de iniciar toda a tua transformação.

Reconhece o que fazes de bom

Aprende a reconhecer tudo aquilo que tens e fazes de bom, ao invés de, estares sempre a culpar-te e a apontar-te frequentemente o dedo a ti própria/o. Não és um robô e tens o direito de fracassar também, como, é perfeitamente normal. Lida com isso como uma lição e não como uma falha.

Só te consegues mudar a ti

A mudança do outro nunca começa por ti. Acredito que és capaz de “puxar” ou “trazer ao de cima” o pior e o melhor dos outros. Tu nunca vais conseguir mudar ninguém, principalmente se a outra pessoa não estiver predisposta à mudança. Pensares nisso só te vai trazer desespero e sentimentos negativos.

Vive a tua vida, aprende a gostar da tua própria companhia e sê seletiva nas pessoas com as quais te rodeias mesmo para conseguires interiorizar cada vez mais esta técnica.

Vê também: Como eliminar pessoas tóxicas da minha vida.

Não te cobres demasiado

Cobrares-te por infinitas razões diariamente só te vai trazer emoções que não queres nem precisas efetivamente. Aprende a lidar com as coisas tal e qual como elas são. Há dias bons e dias maus e aceitares isso vai melhorar drasticamente os teus dias.

Aprende a elogiar as pessoas de quem gostas

Esta técnica foi das primeiras que adotei e por essa razão consigo dizer-te que faz uma diferença gigante.

Nós, tu, a sociedade em si parece que vive a achar que as pessoas são garantidas e têm uma vida ilimitada, o que na realidade não acontece.

Todos nós, somos passageiros apenas. Nunca saberás quando vai ser a ultima vez que vais ter oportunidade de expressar o teu amor por alguém, por isso fá-lo regularmente.

Eu, concordei comigo que a partir de certa altura ia começar a dizer tudo o que sentisse de sentimentos positivos para com a outra pessoa. Desde que o comecei a fazer que me sinto muito melhor e mais feliz comigo mesma.

Somos imperfeitos a conviver com pessoas imperfeitas.

Aprende a ficar em silencio

É preciso entenderes que nem sempre é bom falares tudo o que sentes. Há coisas que precisas de resolver contigo e que devem ficar só e apenas contigo e na tua mente.

Treina os teus hábitos diarios

Os teus hábitos definem imenso os teus dias. Por essa mesma razão é que deves treinar-te para teres os melhores hábitos que conseguires.

Imagina-te a viver com alguém pessimista que só sabe reclamar dia após dia. Eras capaz de aguentar? Claro que não. É cansativo e esgota-te.

Sempre que possível, lembra-te de memórias

Há memórias boas e más. Foca-te nas boas e aprende a ir buscá-las sempre que for necessário.

Não sofras por antecipação

Este tema está muito interligado com a ansiedade. Apesar disso, pode ser tratado de forma isolada.

Sofreres por algo que ainda não aconteceu e pode efetivamente nunca vir a acontecer é, como se costuma dizer, estares a dar um tiro num pé.

Resumindo…

De forma sintetizada, espero que tenhas realmente apontado estas técnicas para mais tarde poderes fazer uma gestão de emoções muito mais eficaz. Senão podes sempre guardar o artigo e reler mais tarde! Experimenta ficar cada vez mais atenta/o ao tipo de pensamentos que tens em relação a ti própria/o e se forem mais negativos, muda-os no imediato. Tudo começa aí.

Previous Post Next Post

Também podes gostar

Leave a Reply